ZF cria sistema para baliza autônoma

Sistema para baliza autônoma

Fazer balizas é um terror para qualquer postulante a motorista. Para quem já sabe dirigir, também dá trabalho estacionar ou sair da vaga entre dois carros nas apertadas ruas brasileiras. Pois bem, a inteligência artificial já está tornando esta manobra tão fácil que não vai deixar mais nenhum condutor irritado.

Por meio de um aplicativo no celular e de sensores instalados no veículo, um supercomputador consegue identificar os espaços e executar a manobra, sem que o motorista esteja dentro do carro, evitando arranhões em para-choques à frente ou atrás.

Essa é uma nova realidade que os veículos elétricos da frota da empresa Pand Auto – uma das maiores empresas de carros para compartilhamento da China – já estão demonstrando através de uma série de testes em andamento.

Este é o primeiro resultado efetivo da cooperação estratégica feita entre a ZF Friedrichshafen AG e a empresa de tecnologia Baidu. É um novo produto baseado no ZF ProAI, um supercomputador que possui a capacidade de operar com Inteligência Artificial, desenvolvido pela parceria entre a ZF e a NVIDIA.

O sistema conta com um recurso que pode levar um veículo para uma vaga de estacionamento e sair dela sem a ação de um motorista. Isso pode ser feito através de um aplicativo de smartphone.

A caixa de controle com Inteligência Artificial da ZF pensa pelo condutor, e é capaz processar os dados dos sensores de ambiente do veículo e da comunicação “car-x”. Desse modo, a ZF ProAI pode enviar os sinais relevantes para os atuadores, que são os sistemas de direção e frenagem.

No quarto trimestre de 2017, a ZF e a Baidu firmaram uma parceria estratégica para avançar com a tecnologia de condução autônoma no mercado chinês. Apenas quatro meses depois do acordo, a primeira aplicação foi desenvolvida usando o supercomputador ZF ProAI para a condução autônoma.

“A ZF ProAI está pronta para a produção em série. Trata-se do resultado de nossa parceria com a NVIDIA, que foi anunciada há exatamente um ano na CES 2017. Em nosso projeto atual com a Baidu, este supercomputador, mais uma vez, mostra como estamos avançando na condução autônoma, além de simplificar o processo para novos players da indústria demonstrarem as inovações na mobilidade”, afirma Torsten Gollewski, head de engenharia avançada na ZF Friedrichshafen AG.

“O supercomputador da ZF é ideal para as nossas aplicações de condução autônoma, pois ele é capaz de processar um grande volume de informações em tempo real, como por exemplo mapas digitais de alta definição. Junto a isso, ele combina a Inteligência Artificial com a capacidade de Deep Learning (Aprendizagem Profunda) para atender a todos os padrões automotivos necessários”, diz Zhenyu Li, gerente-geral de direção inteligente do Grupo Baidu.

O novo sistema de estacionamento está direcionado para os fabricantes de veículos, e também para os provedores de serviços de mobilidade. Primeiramente, o sistema foca em reduzir significativamente os custos operacionais para as empresas de carros compartilhados, ao mesmo tempo em que melhora os processos e a conveniência para os clientes e motoristas.

Os veículos elétricos de testes da Pand Auto equipados com o sistema de estacionamento autônomo foram exibidos para o público pela primeira vez em um evento dinâmico, realizado no coração do Silicon Valley no dia 5 de janeiro, nos Estados Unidos, em uma ação de preparação para a CES 2018.

1 Trackback / Pingback

  1. ZF cria sistema para baliza autônoma - Chico da Boleia

Deixe uma resposta