14 de abril de 2024

Moto voadora XTurismo faz demonstração pública nos EUA

moto voadora xturismo

As motos voadoras deixaram de ser um sonho de ficção científica para ser tornarem realidade graças à empresa japonesa AL.I. Technologies, criadora da XTurismo.

Com sua primeira demonstração pública fora do Japão, a moto voadora pode ser vista neste mês de setembro na Detroit Auto Show 2022, um dos maiores eventos do setor automotivo dos EUA.

Apoiada por gigantes da indústria japonesa como Mitsubishi e Kyocera, a A.L.I. desenvolveu uma moto voadora capaz de transportar até 100 kg de carga e atingir 100 quilômetros por hora. Impulsionada por um motor híbrido Kawasaki, a XTurismo tem uma autonomia de 40 quilômetros.

Feita com fibra de carbono leve, tem um peso básico de 300 kg e dimensões de 3,7 m (comprimento) x 2,4 m (largura) x 1,5 m (altura), a moto voadora, além do motor principal, possui quatro motores secundários alimentados por bateria para fornecer a energia necessária para elevar a XTurismo por meio das suas seis hélices.

moto voadora XTurismo

A XTurismo custa 600 mil euros (R$ 3 milhões). Preço muito além de salgado para um veículo que só pode sobrevoar circuitos esportivos e áreas fechadas. Ele ainda não tem autorização para sobrevoar ruas de cidades. No entanto, o CEO da empresas, Daisuke Katano, disse que o veículo poderia ser utilizado em missões de salvamento para alcançar áreas difíceis.

“A necessidade dessas motocicletas será maior em lugares com deserto ou outros terrenos difíceis. O veículo permitirá que as pessoas viajem onde as estradas são ruins e inacessíveis aos carros, bem como através de corpos d’água”, disse o executivo.

Veja também: Dubai patrulhará os céus da cidade ao estilo Star Wars

Os interessados na XTurismo Limited Edition já podem comprar o modelo no Japão. Os demais mercados só devem conseguir comprar o veículo a partir do começo do próximo ano. Serão 200 unidades disponibilizadas neste primeiro lote.

Fundada em 2016 como uma empresa de drones, a A.L.I. atraiu investimentos de várias empresas japonesas conhecidas, incluindo Sega Sammy Holdings Inc, Kyocera Corp. e Mitsubishi Electric Corp.

Neste mês de setembro, a A.L.I. anunciou que sua empresa-mãe, registrada em Delaware (EUA), a AERWINS Technologies, concordou com um acordo de aquisição com a PONO Capital e terá suas ações listadas na NASDAQ.