VWCO testa solução RIO em São Paulo

RIO Box

A já anunciada marca RIO box, empresa do Grupo Traton para soluções de logística e gestão de frotas, teve sua chegada ao mercado brasileiro oficializada na semana passada, durante a Fenatran (Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Cargas), em São Paulo. Essa plataforma digital está atualmente em cerca de 1.000 caminhões produzidos no complexo industrial de Resende (RJ) que já possuem a RIO Box instalada e que podem usar as soluções de conectividade da marca.

“Com o RIO, a Volkswagen Caminhões e Ônibus entra em definitivo em uma era digital, com a possibilidade de ir além no oferecimento de soluções sob medida aos nossos clientes. Mais que fabricantes, somos verdadeiros parceiros de negócios, gerando ainda mais rentabilidade para quem adquire um caminhão da nossa marca”, afirmou Roberto Cortes, presidente e CEO da Volkswagen Caminhões e Ônibus. “Esta é nossa entrada em uma nova era de serviços que integra gestão de desempenho, segurança e logística em uma plataforma em nuvem. Abrimos uma frente de negócios totalmente alinhada ao que os clientes Volkswagen desejam: eficiência produtividade e maior rentabilidade”, complementou.  

Um dos testes de campo realizados foi feito com a Drogaria São Paulo. A empresa possui uma rede de mais de 1.300 farmácias em cinco estados. Mais da metade delas – 730 – estão na Região Metropolitana de São Paulo. Parte da frota que realiza a entrega de medicamentos é VW. Em dez desses modelos, da Nova Família Delivery, foi instalada a RIO Box pelo período de um mês. Com operação de 24 horas por dia, a RIO Box conseguiu detectar uma série de pontos de melhoria em aspectos que possuem impacto direto na segurança, na economia de combustível e no prolongamento da vida útil de componentes, como os freios. Da mesma forma, foram realizados testes na Braslog Logística, durante 24 dias, em veículos das famílias Constellation e MAN TGX, com resultados similares de oportunidades de otimização dos negócios – como controle de velocidade máxima e tempo de ociosidade da frota.

Volkscare

Os dados foram apresentados às empresas como parte do recém-lançado programa de relacionamento da VWCO com seus clientes: o Volkscare, também apresentado durante a Fenatran 2019 e que utiliza os dados do RIO para compor a chamada Gestão de Serviços sob medida.

“Para isso, estamos criando uma unidade de negócios estratégica que vai cuidar só desse assunto, com foco na gestão da frota, numa só plataforma que vai garantir rentabilidade e produtividade aos negócios dos nossos clientes. Não apuramos apenas dados da performance do veículo, mas vamos prover inteligência por meio dos relatórios gerenciais levando ao cliente da marca os melhores resultados nos produtos e serviços”, afirmou Cortes.

“Com base nas informações da telemetria, partiremos para uma nova etapa, que consiste no treinamento dos motoristas na condução do veículo da maneira mais econômica e segura, com o intuito de fazer nosso cliente obter o melhor resultado que só um caminhão Volkswagen é capaz de entregar”, afirmou Ricardo Alouche, vice-presidente de vendas, marketing e pós-vendas da VWCO.

Conectividade no Grupo Traton

Na Europa desde 2016, o RIO contabiliza cerca de 100 mil veículos conectados no continente. A conectividade é uma das principais apostas da TRATON para o futuro, conforme apresentação realizada no Innovation Day por Andreas Renschler, CEO do grupo. Até 2025, a Traton pretende conectar mais de 1 milhão de veículos. Nos próximos cinco anos, o grupo pretende investir mais de 1 bilhão de euros em digitalização de produtos e serviços.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta