UPS compra biometano para abastecer sua frota nos Estados Unidos até 2026

UPS compra biometano

A UPS, uma das gigantes mundiais de logística, fechou um acordo com a Clean Energy Fuels Corp., para a compra de 170 milhões de galões de gás natural renovável (RNG) – também conhecido como biometano – para abastecer parte de sua frota terrestre nos Estados Unidos até 2026. As entregas acontecerão até 2026, com consumo estimado de 22,5 a 25 milhões de galões por ano.

O combustível substitui o uso do diesel e, com isso, os veículos da UPS reduzirão as emissões de gases de efeito estufa (GEE) em mais de 1 milhão de toneladas métricas, o que equivale a plantar 17 milhões de árvores, remover 228 mil carros da estrada ou reciclar 374 mil toneladas de resíduos que seriam enviados para aterros sanitários.

UPS compra biometano

A UPS tem como meta aumentar o uso de combustível alternativo no transporte terrestre para 40% do total até 2025. A iniciativa colabora para a redução de 12% das emissões absolutas de gases de efeito estufa da frota terrestre da UPS até 2025. Trata-se do maior compromisso já firmado por qualquer empresa americana para o uso de gás natural renovável, que é produzido a partir da decomposição de matéria orgânica como resíduos de aterros sanitários.

No Brasil, a maior parte da frota terrestre da UPS é abastecida com etanol, que reduz as emissões de gases de efeito estufa em até 70%, mesmo percentual estimado para o gás natural renovável. Desde 2009, a UPS investiu mais de US$1 bilhão em veículos abastecidos por combustíveis alternativos e com tecnologia avançada.

“O RNG contribui para a resolução de dois problemas mundiais: o lixo e as emissões de gases de efeito estufa. O gás natural renovável é produzido a partir da decomposição de matéria orgânica como resíduos de aterros sanitários e fazendas de laticínios, ou seja, o lixo é transformado em energia limpa “, disse Mike Casteel, diretor da aquisição de frota da UPS. ” O RNG é transportado pela infraestrutura existente para a condução do gás natural, o que o torna uma solução vencedora que ajudará a UPS a alcançar seus objetivos de sustentabilidade. Ao mesmo tempo, esperamos que esse compromisso de sete anos, sem precedentes, sirva como um catalisador para uma adoção mais ampla de RNG por outras empresas.”

Desde 2014, a UPS utilizou mais de 28 milhões de galões de RNG em sua frota terrestre. Isso significa que a empresa estará usando, em um ano, quase a mesma quantidade de RNG consumida nos últimos cinco anos.

Os veículos de entrega da UPS são abastecidos em 18 estações de gás natural de propriedade da empresa, em 12 estados americanos: Albuquerque (Novo México); Atlanta e Tifo (Georgia); Chattanooga (Tennessee); Commerce City e Trinidad (Colorado); El Paso, Santo Antonio e Fort Worth (Texas); Kansas City (Kansas); Nova Orleans, Shreveport e Port Allen (Louisianna); Cidade de Oklahoma (Oklahoma); Omaha (Nebraska); Phoenix (Arizona); Salt Lake City (Utah) e Sparks (Nevada).

A Clean Energy, fundada pelo presidente T. Boone Pickensm e pelo CEO Andrew J. Littlefair, é a fornecedora exclusiva de “Redeem RNG”, gás natural renovável disponibilizado em quantidades comerciais. De acordo com a Clean Energy, o Redeem RNG emite 70% menos gases de efeito estufa em comparação com o diesel convencional ou a gasolina. Também conhecido como biometano, o RNG é derivado de muitas fontes abundantes e renováveis, como resíduos orgânicos em decomposição em aterros sanitários, de tratamento de água e da agricultura. O RNG é distribuído por meio do sistema de transporte de gás natural, o que o torna disponível da mesma forma que o gás natural liquefeito (GNL) ou o gás natural comprimido (CNG).

“Juntas, a UPS e a Clean Energy estão movendo a indústria em direção à independência energética, com o RNG em escala”, disse Tyler Henn, vice-presidente e gerente-geral da Clean Energy Renewables, uma divisão da Clean Energy. “Estamos entusiasmados em entregar o Redeem a um parceiro com uma frota alternativa substancial e com um compromisso contínuo com o RNG, além de poder cumprir a crescente demanda pelo gás natural renovável, já que mais frotas buscam uma alternativa limpa e econômica.”

A UPS possui mais de 6.100 veículos que podem ser abastecidos com RNG na Argentina, Bélgica, Canadá, França, Alemanha, Países Baixos, Tailândia, Reino Unido e Estados Unidos. Mais de 22% de combustíveis convencionais, como diesel e gasolina, estão agora sendo substituídos por fontes alternativas, incluindo gás natural e diesel renováveis. Isso é significativo devido à redução surpreendente nas emissões de gases de efeito estufa com o uso do RNG, quando comparado ao diesel convencional.

Desde 2009, a UPS investiu mais de US$1 bilhão em veículos abastecidos por combustíveis alternativos e com tecnologia avançada. A UPS utiliza mais de 10.000 veículos em seu Rolling Lab, que usam tecnologias adaptadas à rota de entrega: bicicletas convencionais e elétricas em densas áreas urbanas como Seattle, Londres e Hamburgo; veículos elétricos e híbridos nos Estados Unidos; e os movidos a gás natural renovável e propano globalmente. Com isso, a UPS mantém seus compromissos com sustentabilidade e inovação no mundo todo.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta