21 de abril de 2024

UITP lança projeto de eBRT para o transporte urbano

eBRT

A Associação Internacional de Transporte Público (UITP) anunciou o lançamento do eBRT 2030, o novo projeto da União Europeia (UE) e grande marco da mobilidade elétrica que busca apoiar o transporte urbano sustentável propondo soluções inovadoras para o transporte rápido de ônibus elétrico (BRT).

Com as mudanças climáticas e a poluição do ar sendo uma grande preocupação na Europa e no mundo, o transporte público está no centro dos esforços para alcançar a mobilidade sustentável e melhorar a pegada ambiental do transporte urbano. Assim, a UITP reconhece que o BRT é uma das maiores inovações que o setor de ônibus já viu, por causa de seus efeitos positivos e transformadores nas cidades em termos de redução de congestionamento e poluição do ar.

Reunindo 45 parceiros de toda a UE e além, o eBRT2030 visa demonstrar a aplicabilidade de uma nova geração de sistemas eBRT em diferentes contextos urbanos com soluções inovadoras economicamente viáveis ​​e aprimoradas com novas funcionalidades de automação e conectividade. Em última análise, o principal objetivo é reduzir drasticamente as emissões, os poluentes e o congestionamento, apoiando a transição para um transporte sustentável de emissões zero em toda a Europa.

O eBRT2030 trabalhará junto com os usuários finais para entender como os serviços eBRT desenvolvidos podem ser melhorados para atender às necessidades dos cidadãos. Depois disso, o projeto se concentrará fortemente no avanço da experiência do passageiro e na melhoria do acesso à mobilidade em áreas carentes ou regiões com maiores necessidades de transporte.

eBRT

As soluções eBRT2030 serão testadas em demonstrações reais na Europa e além, reunindo operadores de transporte público, fabricantes de ônibus, fornecedores de tecnologia e acadêmicos. Um foco importante do projeto será traduzir e aplicar soluções de eBRT não apenas na Europa, mas também enfrentar os desafios de poluição e emissões em países em desenvolvimento.

“Os próximos anos apresentarão um momento chave para a realização dos nossos compromissos climáticos e dos objetivos do Pacto Ecológico da UE. Uma nova geração de sistemas BRT avançados com funcionalidades de automação e conectividade significa um grande salto para atingir esses objetivos”, disse Umberto Guida, Head of Projects Strategy da UITP .