Investimento chinês alavanca novos negócios para o TruckPad

Com aporte de capital da plataforma chinesa Full Truck Alliance (FTA), que conecta motoristas de caminhões a cargas e serviços, o TruckPad, aplicativo que opera de maneira equivalente no mercado nacional, planeja movimentar R$ 2 bilhões de fretes em 2020, aumentar o número de colaboradores de 150 para perto de 600 e consolidar a ocupação do TruckPad Tower, prédio que passou a abrigar a sede da empresa na região da avenida Paulista, em São Paulo.

FutureTransport conversou com Carlos Mira, CEO e fundador do TruckPad que fala de sua trajetória, desde que vendeu sua participação na transportadora da família, sua viagem ao Vale do Silício, onde o TruckPad começou a tomar forma, até este momento, onde a start-up recebeu um aporte da FTA, uma gigante chinesa avaliada em quase US $ 10 bilhões.

O investimento da FTA pode ajudar o aplicativo a se tornar o maior marketplace de transporte e logística da América Latina.

Antes da entrada da chinesa FTA, o TruckPad já havia recebido investimentos da aceleradora americana Plug and Play, da Movile, dona do iFood, da Maplink e da Mercedes-Benz.

Acompanhe a entrevista com o executivo da start-up na sua íntegra:

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta