Startup alemã anuncia seu primeiro carro solar

carro solar

A startup de tecnologia Sono Motors, com sede em Munique, Alemanha, apresentou um veículo elétrico inovador e econômico com integração solar, adequado ao uso diário.

Com um conceito de mobilidade para um futuro sem óleo mineral e emissões, o Sion é o primeiro carro elétrico capaz de recarregar suas baterias através da captação de energia solar. Suas células solares integradas geram energia para rodar até 30 quilômetros por dia.

 

 

Com autonomia de 250 km, o Sion vem equipado com aplicativos de mobilidade integradas e sua bateria estará disponível para aluguel mensal ou compra única.

O aplicativo do veículo combina três características notáveis: powersharing, ridesharing e carsharing. Ao usar seu smartphone, você pode oferecer aos outros eletricidade, um passeio ou emprestar seu carro por um certo tempo.

 

 

A Sono Motors, que contou com o apoio do Centro de Tecnologia de Munique, escolheu como parceira para o desenvolvimento de seu protótipo a Roding Automobile GmbH, uma empresa de tecnologia que desenvolve estruturas em fibra de carbono para a indústria automotiva e fabricante do esportivo Roding Roadster, lançado em de 2008.

A eficiência do Sion é garantida pelo design leve. O exterior é composto principalmente por policarbonato à prova de ferrugem. Além disso, é resistente a riscos.

A característica mais singular da carroceria são suas células solares. Localizadas no teto, nas laterais, capô e traseira, levaram o conceito “forma e função” do design ao nível máximo. O teto, literalmente solar, panorâmico e transparente garante uma visão excepcional.

 

O Sion está equipado com 330 células fotovoltaicas integradas, que recarregam a bateria através do poder do sol. Para proteção de influências ambientais prejudiciais, as células são cobertas com policarbonato  resistente a incêndios, leve e particularmente resistente às intempéries.

Outra característica do protótipo é que ele, além de gerar energia para si próprio, é capaz de fornecer energia. Esse recurso transforma o carro em uma estação de energia móvel. Todos os dispositivos eletrônicos comuns com até 2,7 kW podem ser alimentados pelo Sion.

A startup garantirá o SION por dois anos ou até 150.000 km. No entanto, dependendo das condições, estima a vida útil do veículos entre 10 e 15 anos. A vida útil do veículo é de grande importância para a Sono Motors que pretende alcançar sustentabilidade real.

Anunciado nesta quinta-feira, o veículo fará um tour para test drives pela Europa. O primeiro acontecerá no dia 18 de agosto, em Munique, e continuará por pelo menos 12 cidades e sete países.

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta