Santiago inaugura o primeiro corredor de ônibus elétricos da América Latina

corredor de ônibus elétricos

A cidade de Santiago do Chile lançou o primeiro corredor de ônibus elétricos da América Latina, em parceria com a BYD e as operadoras locais Enel X e Metbus.

Esse movimento consolida o Chile como líder da região em mobilidade elétrica, com uma frota total de 285 ônibus elétricos puros operacionais da BYD. O Chile agora possui 386 veículos e Santiago tem o maior operador mundial de uma frota de ônibus elétrico puro fora da China.

corredor de ônibus elétricos

“Estamos dando esse grande salto em frente e no futuro”, disse o presidente chileno Sebastián Piñera, depois de viajar em um ônibus elétrico da BYD de Ñuñoa para o novo terminal elétrico de Peñalolén. “Esse novo sistema de transporte público nos permitirá melhorar a qualidade de vida de todos os habitantes”.

Tamara Berríos, gerente nacional da BYD Chile, disse que “os atuais 285 ônibus elétricos puros da BYD que operam em Santiago estão reduzindo as emissões equivalentes a mais de 9.400 carros convencionais.

“A BYD tem orgulho de contribuir com sua tecnologia para o primeiro corredor de ônibus 100% elétrico da América Latina. Esperamos continuar construindo nossos sonhos de uma cidade mais limpa com nossas soluções de transporte sustentáveis”.

Os ônibus elétricos BYD são isentos de emissões e econômicos, sendo 70% mais baratos de operar do que os ônibus a diesel convencionais. O custo operacional por quilômetro é de cerca de US $ 0,1, comparado a cerca de US $ 0,4 por quilômetro. Eles vêm com baterias de grande capacidade que fornecem um alcance de 250 km e levam apenas cinco horas para serem totalmente carregadas.

O projeto do corredor de ônibus elétricos inclui o uso de 40 pontos de ônibus; todos os pontos incluem iluminação LED, telas de informações, carregadores USB, estacionamento de bicicletas e muito mais.

Enquanto a cidade se prepara para a próxima Conferência de Mudança Climática de Santiago, este primeiro corredor elétrico puro é um esforço tangível e de longo alcance para a causa da proteção ambiental. De acordo com o plano ambiental de Santiago, 50% da frota da cidade se tornará pura eletricidade em um futuro próximo.

Os ônibus elétricos puros da BYD atualmente operam em muitos mercados da América Latina, incluindo Chile, Brasil, Colômbia, Equador, Argentina, Peru e Uruguai.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta