Grupo PSA vai montar os novos Peugeot Expert e Citroën Jumpy no Uruguai para a América Latina

Peugeot Expert e Citroën Jumpy

Líder no mercado de veículos utilitários na Europa, com uma participação de 21,3 % no fim de fevereiro de 2017, o Grupo PSA passará a oferecer seus veículos utilitários leves (VUL) na América Latina.

O grupo lançará 16 novos modelos na região até 2021, incluindo diversos utilitários, como os novos Peugeot Expert e Citroën Jumpy. O segmento de VUL, muito promissor nesse mercado, com um potencial de um milhão de veículos por ano, representa uma oportunidade de dinamizar o crescimento da PSA na América Latina.

A PSA e seus parceiros EASA e Nordex assinaram o contrato de montagem que permitirá a aceleração da ofensiva de veículos utilitários leves (VUL) do grupo na América Latina. A montagem terá início no segundo semestre de 2017 na planta industrial da Nordex, em Montevidéu, Uruguai.

Citroën Jumpy terá versões furgão e van com capacidade para até nove passageiros

Com uma capacidade de 6 mil veículos por ano, a produção será destinada principalmente aos mercados brasileiro e argentino. O Grupo PSA pretende dobrar suas vendas de VUL na região, de modo a atingir 60 mil unidades vendidas em 2021.

A EASA é composta pelas sociedades Afsa e Oversil, respectivamente importadoras no Uruguai das marcas Peugeot desde 1950 e Citroën desde 1964. A Nordex possui uma longa tradição na fabricação de veículos no Uruguai, inclusive para o Grupo PSA.

Em 2016, a PSA criou uma estrutura regional dedicada ao segmento VUL para oferecer produtos competitivos adaptados às diferentes utilizações, assim como serviços de altíssima qualidade para seus clientes profissionais, tanto na venda como no pós-venda, informa a empresa. Ao fazer a montagem no Uruguai, mais perto, portanto, de seus mercados-alvo, conseguirá disponibilizar uma nova oferta mais competitiva para seus clientes.

Carlos Tavares, presidente mundial do Grupo PSA, declarou: “O Grupo PSA obteve uma recuperação formidável na região nos últimos anos e esta parceria ilustra o modelo de negócios pertinente que o grupo está desenvolvendo na América Latina a fim de obter um crescimento rentável.”

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta