Prosegur apoia exposição de Pablo Picasso no Rio de Janeiro

Com uma sólida política voltada para eventos culturais nos países em que está presente, a Prosegur, empresa líder no segmento de segurança privada no Brasil e única com atuação em todo o território nacional, segue sua parceria com a exposição Picasso: Mão Erudita, Olho Selvagem, agora em temporada no Rio de Janeiro. A companhia é uma das principais apoiadoras da mostra, que será realizada na Caixa Cultural, a partir de 13 de setembro.

Além de apoiar a exposição, a Prosegur foi a companhia responsável pela escolta das obras no trajeto de São Paulo para o Rio de Janeiro. Antes da edição carioca, a mostra esteve no Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo, de maio a agosto, onde foi sucesso de público e crítica.

A mostra conta com 138 obras, entre pinturas, desenhos, gravuras, esculturas, cerâmicas e fotografias pertencentes ao Musée National Picasso-Paris. A exposição possibilita uma rara imersão do público no universo do artista espanhol, que viveu grande parte de sua vida na França. Das 138 obras, 109 são de Picasso: 27 pinturas, 42 desenhos, 20 gravuras e 20 esculturas, incluindo 12 cerâmicas, em sua quase totalidade nunca vistas no Brasil.

Também integram a mostra 22 fotografias feitas por Andres Villers (1930-2016) em parceria com Picasso, e três fotografias feitas por Pierre Manciet durante as filmagens de “La vie commence demain” (1949), de Nicole Védrès, no ateliê do artista em Fournas, Vallauris, na França. O filme, de 89 minutos, também poderá ser visto pelo público, junto com dois outros: “Guernica” (1950), de Alain Resnais e Robert Hessens, com 13 minutos, que aborda a obra-prima de Picasso, entre pinturas, desenhos e esculturas feitas por ele entre 1902 e 1949; e “Le Mystère Picasso” (1956), de Henri-Georges Clouzot, com 78 minutos, que revela seu processo criativo.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta