21 de abril de 2024

Soluções de mobilidade digital são poderosos complementos do transporte público

mobilidade digital

Para reduzir as emissões de carbono e o congestionamento precisamos, antes de qualquer coisa, de uma mudança de comportamento dos habitantes de grandes centros urbanos.

A mobilidade urbana é crucial para a qualidade de vida das pessoas e para o funcionamento da economia. Todos os modais de transporte são importantes, mas a mobilidade urbana deve ser reforçada por soluções de transporte inteligentes, inclusivas, saudáveis, acessíveis e integradas.

E que para que isso ocorra, é necessário mais esforços do poder público para sensibilizar o cidadão que há décadas enxerga o automóvel como um sonho de consumo e um símbolo de status social.

Não há dúvidas de que as pessoas têm necessidades diferentes, mas todos merecem ter acesso a uma variedade de soluções de transporte acessíveis, competitivas, inteligentes e sustentáveis. Todos podem ter a possibilidade de escolher seus meios de deslocamento urbano mas o interesse coletivo deva prevalecer sobre o individual.

Novas soluções de mobilidade digital complementam o transporte público tradicional e contribuem para a redução de emissões de carbono, congestionamentos, melhoria da qualidade do ar e do ruído e conectividade, enfatizam e incentivam a fornecer benefícios para quem escolhe uma solução de transporte sustentável para os seus deslocamentos.

Mais soluções de mobilidade digital

A inteligência artificial e a digitalização podem e devem fazer parte do conjunto de soluções que visem melhorar a eficiência dos transportes, reduzir os tempos e os custos das viagens e aliviar o congestionamento do tráfego. Os investimentos em mobilidade inteligente, por exemplo, podem desbloquear o bilhete único integrando diferentes modos de transporte, do ônibus aos aplicativo para automóveis, passando por bicicletas e outros meios.

Veja também: Super aplicativos de mobilidade impulsionam o transporte público

Com consciência coletiva, algo que deve ser incentivado, todos devem e podem contribuir para tornar o sistema mais racional e justo, garantindo mobilidade para todos. Diferentes meios de deslocamentos têm seu papel a desempenhar e devem proporcionar um ambiente saudável para sua convivência adequada e as novas soluções de mobilidade tem o poder de influir positivamente.

Há exemplos claros de deslocamentos urbanos, roteirizados por aplicativos, que mostram alternativas mais rápidas, eficientes e até mais baratas do que o automóvel particular. O que o cidadão pode perder em conforto ou comodidade, sem dúvida ganha em tempo e despreocupação.

Com o uso massivo da tecnologia e a integração de todos os modais gerida pelo poder público, sejam estes operados pela iniciativa privada ou não, os deslocamentos tendem a ficar mais inteligentes, eficientes e com custos mais atrativos.

Neste cenário, sem restrições ou proibições de determinados modos de transporte, mas com o uso da tecnologia para garantir sua eficiência, como IA e soluções digitais, recomendações sobre segurança viária urbana, normas técnicas harmonizadas para micromobilidade e campanhas educativas, o transporte público e a mobilidade urbana, encarados de forma holística, fatalmente se tornam competidores de peso para o transporte individual.