Mercedes-Benz lidera as vendas de caminhões médios no mês de outubro

caminhões médios

Para atender ao aumento de demanda por bebidas durante o verão que chega no dia 21 de dezembro, como o de cerveja, os transportadores já começam a renovar e ampliar suas frotas visando a distribuição aos inúmeros pontos de venda por todo o País.

“Verificamos essa tendência especialmente no segmento de médios, com o emplacamento de 132 caminhões em outubro, quase 67% do modelo Accelo 1316 6×2”, ressalta Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas, Marketing e Peças & Serviços Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Do total comercializado no mês, destacam-se 55 unidades para a Ambev. Esses veículos irão rodar principalmente no Rio Grande do Sul, São Paulo, Espírito Santo e Rio de Janeiro”.

Com esse resultado, a marca liderou o segmento de médios em outubro. “Saltamos de 14,6% de participação de mercado em setembro para 42,4% em outubro”, informa Leoncini. “Ou seja, quase 28% de crescimento, o que nos posiciona na liderança do mês com 8% em relação ao segundo colocado”.

No transporte de bebidas, o Accelo 1316 6×2 oferece capacidade para seis paletes, otimizando a distribuição e o custo operacional. A manobrabilidade é um grande diferencial do caminhão, proporcionando agilidade nas manobras e maior produtividade no transporte, segundo a montadora. Esta vantagem é importantíssima na distribuição urbana, especialmente nas grandes cidades, onde o espaço é cada vez mais restrito.

Com terceiro eixo de fábrica, o PBT do Accelo 1316 6×2 chega a 13.000 kg, com até 8.720 kg de carga útil com equipamento. Isso o torna adequado para as mais variadas aplicações, desde as tradicionais, como carroçarias aberta, carga seca e báu, siders e cargas frigorificadas, como novas soluções para o transporte, como bebidas, gás, combustíveis e plataforma auto-socorro, informa a Mercedes-Benz.

No próximo ano, o Accelo 1316 será comercializado com cabine estendida, que garante mais espaço e conforto ao motorista e aos ocupantes, além do câmbio automatizado sem pedal de embreagem, que proporciona mais economia de combustível.

A Mercedes-Benz lidera as vendas de caminhões no mercado brasileiro no acumulado de janeiro a outubro. A marca comercializou 10.594 veículos, obtendo uma participação de 28,2%, considerando todos os segmentos de caminhões, desde os leves e médios até os semipesados e extrapesados.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta