25 de julho de 2024

Iris eTrike, o triciclo que veio para redimir o icônico C5

Iris eTrike

Quase 40 anos depois de ser lançado e após ser descrito como o maior fracasso comercial da indústria automobilística do Reino Unido, o micro veículo elétrico Sinclair C5 agora tem um sucessor com possibilidades reais de redimi-lo.

Desenvolvido por Grant Sinclair – sobrinho de Clive Sinclair, criador do primeiro veículo –, o Iris eTrike recebeu um novo estilo e já está disponível para pré-encomendas com as primeiras entregas previstas para o início de 2024.

O Sinclair C5 foi lançado em 1985 como um triciclo elétrico de aparência futurista projetado como uma alternativa para carros e bicicletas e é uma destas idéias que estavam muito à frente de seu tempo. Com a eletromobilidade em alta e com as inúmeras opções de micromobilidade pipocando mundo afora, parece que agora o seu sucessor está no lugar certo e na hora certa.

Iris eTrike

“Devido à crise climática, os combustíveis fósseis estão sendo eliminados e as principais cidades estão impondo limites de baixa velocidade ou proibindo completamente os carros”, disse Sinclair. “O carro médio tem um ocupante e as pessoas são desencorajadas a andar de bicicleta em climas extremos. Acredito que a Iris faz parte da solução urgente.”

O Iris eTrike apresenta um design distinto, com o piloto envolvido por um dossel aerodinamicamente afiado e à prova de intempéries que a empresa diz ser feito de acrílico de aviação. A empresa afirma que é “como andar dentro de um grande capacete”. 

Existem duas rodas de BMX de carbono de 24 polegadas com aerodinâmica na frente, com uma única roda de MTB de carbono de 26 polegadas na parte traseira. Todas as três rodas usam pneus resistentes a perfurações e freios a disco mecânicos sobressalentes.

O Iris eTrike será oferecido com quatro opções de motor restritas de fábrica, permitindo atender a uma variedade de regulamentos de e-bike. Haverá uma versão de 250 W para atender aos regulamentos de bicicletas elétricas com pedal assistido do Reino Unido e versões mais potentes de 500, 750 e 1000 watts. 

A energia será extraída de uma bateria removível de íons de lítio de 48V 20Ah que oferece um alcance de até 40 quilômetros. Auxiliada pela carroceria aerodinâmica, a velocidade máxima é de mais de 40 km/h, embora no Reino Unido ela só possa oferecer assistência elétrica de até 25 km/h.

O Iris eTrike tem 260 mm de comprimento, 94 mm de largura e 128 mm de altura, e Sinclair afirma que oferecerá mais de 100 litros de espaço de carga.

O chassi é construído em aço e forma leve de EPP, com um método de construção inspirado na tecnologia de capacetes de esqui. A máquina pesa cerca de 60kg, incluindo bateria e carregador portátil.

Além da carroceria reformulada, outras adições recentes à máquina incluem um filtro de purificação de ar HEPA para manter o interior livre de poluentes, um novo assento ergonômico e uma função de desembaçamento para a capota de plexiglass.

O Iris eTrike está disponível para encomenda agora com um preço de pré-lançamento de £ 4.999 (R$ 30,6 mil). Sinclair diz que recebeu um interesse significativo de distribuidores automotivos e de bicicletas e uma oferta de fabricação da Sony.