15 de agosto de 2022

E-scooter dobrável tem seu próprio sistema de estacionamento automatizado

Com a micromobilidade desempenhando um papel cada vez mais importante nos deslocamentos individuais de pequenas distância, além de contribuir para a redução das emissões de gases de efeito estufa no setor de transporte, ela também serve de inspiração para projetos inovadores.

Pensando em um mundo cada vez mais urbano e cada vez mais lotado, onde quase não há lugar para caminhar, muito menos dirigir nossos veículos, a design búlgara Ekaterina Tiholova desenvolveu um projeto de e-scooter dobrável e super compacta. Mas não só isso. Prevendo a possível utilização de sua scooter em serviços de compartilhamento, Ekaterina também projetos uma cápsula de armazenamento automatizado para os micro veículos.

e-scooter dobrável

A scooter dobrável de Ekaterina possui uma base preta e lisa, suportada por duas rodas bulbosas. Com seu visual cinza metálico e preto fosco, chama a atenção a alça em forma de quadrilátero, integrada à roda dianteira, com os controles de aceleração e freio, o que permite manobrar a scooter. Quando não estiver em uso, ela é dobrada para trás, se transformando em uma plataforma que pode ser facilmente guardada.

O local de armazenamento projetado pela design possui um slot longo e estreito para colocar a scooter, que pode ser controlado usando um painel de toque. Uma vez dentro, as diferentes scooters são armazenadas em vários níveis, formando uma cápsula organizada.

Quando a e-scooter se torna necessária, elas podem ser facilmente acessada, através do painel e, uma vez desdobrada, está pronta para o uso.

Por mais conveniente, econômico e eficiente que pareça, a e-scooter dobrável da design búlgara ainda é um conceito e Ekaterina não se deteve em “detalhes práticos e básicos” como autonomia e alcance da e-scooter, sua potência e velocidade, por exemplo. Contudo, como ainda se trata de um design conceito, a e-scooter e sua cápsula de armazenamento são um vislumbre das possibilidades da micromobilidade do futuro e, quem sabe, podem se tornar uma realidade em breve.