Caoa vai produzir caminhões na planta da Ford no ABC paulista

Depois de quatro meses de expectativas, a Ford finalmente anunciou, oficialmente, o interesse da Caoa na aquisição de suas operações na unidade de São Bernardo do Campo, no ABC paulista. O acordo também prevê que a Caoa vai produzir caminhões da marca americana.

Em entrevista coletiva, o presidente do grupo Caoa, Carlos Alberto de Oliveira Andrade, o presidente da Ford América do Sul, Lyle Watters e o governador do Estado, João Dória, deram detalhes da negociação.

A operação da compra será feita em duas etapas. A primeira irá durar de 35 a 45 dias e é conhecida como “due diligence” – termo utilizado no âmbito de aquisições corporativas que se refere ao processo de análise das informação sobre a empresa à venda. Com os resultados, a compra da fábrica da Ford pelo Grupo Caoa será oficializada em seguida. Especula-se que o investimento total da Caoa nesta transação chegue à casa de R$ 1 bilhão.

Caoa vai produzir caminhões da marca Ford, sob licenciamento

De acordo com o grupo, a Caoa vai produzir caminhões da Ford, sob licenciamento, pagando royalties à montadora americana. Além disso, pretende produzir automóveis na planta, de uma marca ainda a ser divulgada. A operação será nos mesmos moldes da produção de veículos Hyundai, em Anápolis (GO), e da Chery em Jacareí, no interior de São Paulo.

Com o acordo, a Caoa manterá, em um primeiro momento, os cerca de 850 empregos ligados à unidade do ABC paulista.

“Agora entra uma etapa de entendimento entre duas grandes empresas. Aliás, o Grupo Caoa é distribuidor Ford há mais de 40 anos, com uma relação bastante estabilizada com a Ford Motors Company”, declarou Doria.

Carlos Alberto de Oliveira Andrade, também destacou o empenho do governo do Estado e da prefeitura de São Bernardo para a interlocução entre as empresas e falou sobre os planos para a unidade. “O objetivo é tornar a fábrica em São Bernardo viável, lucrativa e produtiva”, afirmou Andrade

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta