Caoa pode assumir fábrica da Ford em São Bernardo do Campo

Caoa Ford

A Caoa pode estar muito perto de assumir as operações da fábrica da Ford em São Bernardo do Campo, no ABC paulista. Segundo fontes ligadas à negociação, o grupo já assinou um acordo para a compra da planta.

Segundo estas mesmas fontes, o grupo Caoa manterá na unidade apenas a produção de caminhões, produzindo veículos pesados sob licença da Ford, modelo de operação similiar ao que o grupo mantém com a Hyundai em Anápolis, GO.

O grupo Caoa já havia manifestado interesse na fábrica. Na ocasião, em comunicado, a Caoa informava que a “forte parceria” com a Ford mostrava que “era natural que as empresas conversassem sobre futuros negócios”.

Oficialmente, nem a Caoa nem a Ford confirmam o acordo.

Na planta de São Bernardo da Ford era produzido, além da linha Cargo, o hatch Fiesta.

O governador de São Paulo, João Doria, já buscava compradores para que a fábrica de São Bernardo, no ABC, não fosse fechada e deixasse cerca de 3 mil pessoas desempregadas ao longo de 2019.

O governador inclusive participou de reunião com o CEO da Ford América do Sul, Lyle Watters, o vice-presidente de assuntos governamentais, comunicação e estratégia da montadora, Rogelio Golfarb e o prefeito da cidade, Orlando Morando, para encontrar saídas para a montadora manter suas atividades e não causar um grande problema social.

A decisão de fechar sua única operação de caminhões no mundo, no ABC, já vinha sendo estudada há alguns anos pela sede da companhia em Detroit, nos Estados Unidos, em razão de prejuízos e a necessidade de novos investimentos para desenvolver e atualizar a linha de produtos.

No início de fevereiro vários concessionários Ford já encerraram sua atividades, dificultando ainda mais a retomada de uma eventual operação da montadora norte-americana.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta