Aeroporto de Los Angeles terá 20 ônibus elétricos da BYD

Los Angeles terá 20 ônibus elétricos da BYD

A BYD fornecerá ao Aeroporto Internacional de Los Angeles (LAX) a maior frota de ônibus 100% elétricos em aeroportos dos Estados Unidos. A Lawa (Los Angeles Word Airports) encomendou 20 ônibus 100% elétricos da montadora chinesa que serão usados para transporte de passageiros das aeronaves. Além de aumentar o tamanho da frota, os veículos elétricos substituirão todos os ônibus movidos a diesel.

Os veículos serão produzidos na fábrica da BYD localizada em Lancaster, no sul da Califórnia.

São 20 ônibus articulados de 18 metros de comprimento, movidos a bateria, com autonomia de mais de 400 quilômetros por recarga e capacidade para até 120 passageiros, dependendo da configuração. A frota é projetada para reduzir as emissões de dióxido de carbono de 308 toneladas de GEE (Gases do Efeito Estufa) para zero emissões – o equivalente a economizar mais de 128.704 litros de gasolina ou remover 66 veículos de passeio convencionais da estrada por um ano inteiro.

A Lawa anunciou que além dos benefícios ambientais e do fato de os ônibus proverem aos usuários menos ruído durante o deslocamento, eles reduzirão significativamente o gasto energético e os custos de manutencção da frota.

A aquisição da frota foi aprovada numa reunião recente do Conselho de Comissários de Aeroportos de Los Angeles, como uma estratégia para que o LAX se adequasse às iniciativas implantadas pelo prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti, para reduzir as emissões dos gases do efeito estufa da cidade a 45% abaixo do nível das linhas de base de 1990, meta a ser cumprida até 2025. Também traz o LAX para mais perto do cumprimento do Requisito de Veículos movidos a Combustíveis Alternativos iniciado em 2017, ano em que os ônibus em operação no aeroporto transportaram mais de 2,4 milhões de passageiros em mais de 53.000 viagens.

A BYD é considerada a maior montadora de veículos elétricos do mundo, assim como a maior montadora de ônibus elétricos da América do Norte. A empresa entrou no mercado dos Estados Unidos em 1999 e já investiu em torno de US$ 300 milhões no país.

Além de entregar ônibus elétricos para mais de 40 clientes dos Estados Unidos – incluindo o Facebook, a universidade de Stanford, UCLA, UCI e a companhia de trânsito de Long Beach – a BYD teve sucesso em introduzir uma gama de caminhões elétricos para clientes como SF Goodwill, o porto de Los Angeles e Daylight.

“Com a adoção desses ônibus elétricos, o LAX terá a maior frota de ônibus elétrico em aeroportos dos Estados Unidos transportando-nos para um futuro mais limpo e silencioso”, disse Michael Cheristensen, diretor-executivo adjunto do grupo de manutenção e utilidades de instalações da Lawa. “Esses ônibus são uma escolha inteligente tanto para o meio ambiente quanto para nossos resultados. Estamos animados para começar a implantá-los no próximo ano”.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta